GREVE DA CATEGORIA A PARTIR DE 5/5: Assembleias setoriais decidem até 27/4

Como divulgado anteriormente, a rodada de assembleias setoriais realizada de 20 a 30 de março apontou que, embora o descontentamento seja generalizado nas ETECs e FATECs, há uma divisão em relação à proposta de GREVE da categoria por tempo indeterminado.


O Sindicato esteve presente em dezenas de unidades neste período, em todas as regiões do Estado, atingindo aproximadamente 10 mil trabalhadores do Centro. Frente a essa divisão, a direção do Sinteps declarou o ESTADO DE GREVE, com vistas a ampliar a mobilização para a data-base anual!


Os indicativos para esta nova etapa da mobilização são os seguintes:

 

27 de abril: Novo prazo para realização de assembleias setoriais. Nelas, os trabalhadores devem opinar sobre a proposta de GREVE POR TEMPO INDETERMINADO a partir de 5 de maio. A dica vale para as unidades que ainda não fizeram a assembleia ou para aquelas em que já houve, mas que ainda resta uma parcela expressiva que não opinou.

 

28 de abril: Participação na GREVE GERAL convocada pelas centrais sindicais, em conjunto com as demais categorias de trabalhadores, contra as reformas trabalhista e da Previdência, a terceirização e o confisco de direitos da população (leia mais na pág. 8). A intenção é fortalecer a luta nacional contra as reformas e, ao mesmo tempo, esquentar a mobilização na nossa campanha salarial.

 

2 de maio: Tabulação final das assembleias setoriais.

 

5 de maio: Se esta for a decisão da maioria, ato público em SP, em frente à Administração do Centro, para lançamento da GREVE DA CATEGORIA POR PRAZO INDETERMINADO

 

Obs: Modelo de ata/lista de presença está no site, em “Data-base 2017”. Se não há diretor sindical em sua unidade, façamos a CORRENTE DO BEM (qualquer trabalhador da unidade pode tomar a iniciativa), como já fizemos na greve de 2014. Envie o resultado por e-mail para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. até as 22 horas do dia 27/4, para que possamos tabular os resultados das assembleias e conhecer o posicionamento da categoria em todo o estado.

 

Iniciativas que continuam na ordem do dia


Na primeira etapa da mobilização na campanha salarial deste ano, o Sinteps indicou à categoria um conjunto de iniciativas, em paralelo à realização das assembleias setoriais, com vistas à decretação da greve geral da categoria. Nesta nova etapa que se inicia agora, a orientação é retomarmos parte das iniciativas já implementadas anteriormente. São elas:

 

  • Distribuição de carta aberta à comunidade
  • Coleta de abaixo-assinado em defesa das nossas reivindicações
  • Envio de e-mails ao governador Alckmin; ao secretário de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia, Márcio França; ao secretário de Gestão Pública, Marcos Monteiro; e à superintendente do Ceeteps, Laura Laganá.
  • Ida às Câmaras de Vereadores para solicitar moção de apoio às reivindicações da categoria, a ser encaminhada ao governador, ao secretário de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia e à Superintendência do Ceeteps.
  • Ida aos escritórios políticos dos deputados estaduais da região, para cobrar apoio às nossas reivindicações.

 

Obs: Todos os materiais indicados acima estão no site, em “Data-base 2017”. Após colhido o abaixo-assinado e as moções junto aos parlamentares, digitalize e envie para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.